TODA CRIANÇA GOSTA DE BRINCAR E DE LER.

SEJA BEM-VINDO AO SITE DE LEITURA DA TURMA DO GUARANÁ. AQUI VOCÊ ENCONTRA HISTÓRIAS EM QUADRINHOS, CONTOS, DESENHOS E MUITA DIVERSÃO!

terça-feira, 14 de agosto de 2012

RANDRIK & NININHO em: BOLO DURO DE ROER


Olá! 
Seja bem-vindo ao blog da Turma do Guaraná.
Apresento uma historinha com os novos personagens.

RANDRIK & NININHO em:
BOLO DURO DE ROER


       Nininho e Randrik resolveram montar um negócio lucrativo: uma fábrica de bolos de frutas. Então, eles foram para a cozinha preparar um bolo de abacaxi.
Enquanto Nininho preparava a massa, Randrik fazia uma calda de açúcar para colocar na forma.
       Depois da calda pronta, Nininho trouxe deliciosas rodelas de abacaxi e arrumou sobre ela.  Em seguida, despejou a massa cuidadosamente na forma.
       Então, Randrik levou a massa para o forno.
       Após 40 minutos, os confeiteiros tiraram o bolo do forno, que soltava uma fumacinha muito cheirosa.
       Então Randrik disse para Nininho:
       - Corte você, amigo.Tenha a honra!
       - Obrigado, amigo. Nosso bolo ficou muito bonito.
       Então Nininho passou a faca sobre o bolo, mas para grande surpresa, este não cortou.
       - Que bolo duro! – gritou Nininho.
       - Vamos pegar a faca de serra! – disse Randrik.
       E passaram no bolo, mas este não cortou.
       - Caraca! O que aconteceu que este bolo não corta? – perguntou Randrik admirado.
       - Vamos pegar a serra! – disse Nininho.
       - Que serra?
       - A serra elétrica!



       Então Nininho pegou a serra elétrica, passou no bolo, mas este não cortou. Pobrezinha da serra elétrica – quebrou todos os dentes.
       - Nunca vi bolo tão duro! O que vamos fazer com ele? – perguntou Nininho.
       - Tive uma idéia! Vamos fazer mais bolos como este – respondeu Randrik.
       - Pra que? Quem vai comer bolo tão duro? – perguntou Nininho.
       Então Randrik respondeu:
       - Ora, não é pra comer, mas para construir casas. Vamos montar uma fábrica de tijolos!
       - HAHAHAHA! – e os dois amigos riram da travessura.

FIM
      

Tenha uma boa semana.

Abraço do amigo,

Paulo Alves


8 comentários:

Rafael Fernandes disse...

Oi Paulo Alves, muito engraçada a historinha! O bolo era tão duro que nem uma serra elétrica cortou,Dar para fazer casas bem resistentes com esse bolo rsrsrsrs.
Abçs.

Unknown disse...

Caramba! Que bolo é esse, Paulo Alves??? rsrsrsrs...
Gostei! Abraços. Fabiano Caldeira.

FabianoCaldeira. disse...

Caramba! Que bolo é esse, Paulo Alves??? rsrsrsrs...
Gostei! Abraços. Fabiano Caldeira.

Paulo Alves disse...

Olá amigos Rafael e Fabiano.
Tudo bem?
Este bolo é mesmo duro. Eu que não quero morder, senão quebro meus dentes. (rrsss)

Abraço, aos amigos.

Alexia disse...

Paulo Alves,
gostei da historinha.
Eu tenho uma receita de bolo que vou dar pros meninos fazerem. Esse bolo duro deve ter um gosto horrível!!

Bjs

Paulo Alves disse...

Olá, Alexia.
Adoro seus comentários. (rrsss)
Continue acompanhando o blog que ainda terá muitas surpresas.

Beijo!

FabianoCaldeira. disse...

Eu sugiro uma história onde Pirrixa faz um bolo de cenoura com calda de chocolate e quando ele vai mostrar à Tampinha, o bolo não está mais na mesa e misteriosamente o Randrik aparece com chocolate na boca. rsrsrsrs....

Paulo Alves disse...

Oi, Fabiano.
Gostei da sugestão. Em breve farei esta historinha em tira ou de uma página.

Abraço!